14 coisas para ser em 2014

Arquivado em Pessoal.

Voltando ao pique do Rotaroots (que agora tem uma página própria no Facebook, muito luxo meu amoooor <3), resolvi criar meu post com algumas das minhas metas para 2014, sugerido como meme da quinzena.

Fotinho antiga, mas me lembra da época em que metas não eram necessariamente um problema :)

Fotinho antiga, mas me lembra da época em que metas não eram necessariamente um problema :)

Eu sou do tipo de pessoa que prefere não fazer ‘planos’ ou traçar metas, assim as coisas deveriam fluir naturalmente. O problema é que no meu caso, fluir naturalmente vira ‘postergar até perder o foco’, e acabo virando mais um ano sem ter feito 10% das coisas que eu realmente gostaria de ter feito. Então para 2014 resolvi pegar o embalo da blogagem coletiva e traçar 14 metas bastante importantes pra mim neste ano :)

1. Terminar meu portfólio

Registrei um domínio, ganhei a hospedagem dos sonhos do esposo, agora só falta o ânimo e os trabalhos. Resolvi que este ano vou me dedicar mais aos meus freelas e fazer uma exposição merecida sobre cada um.

2. Voltar a fazer bordado

Ultimamente tenho visto tantas coisinhas fowfas de bordados em ponto cruz que decidi que quero voltar a fazê-lo. Tenho mil e uma ideias de coisas lindas e que realmente podem ajudar na renda de casa, e certamente esse é um item que pretendo cumprir a risca esse ano.

3. Aprender inglês de fato

Desde sempre eu consigo entender qualquer informação em inglês facilmente, sejam textos, áudios, etc. Preciso realmente estudar inglês de fato e quebrar uma barreira minha que tenho há bastante tempo: falar inglês. Perdi a conta das situações em que falar inglês teria me ajudado, mas a vergonha e o medo do meu sotaque mineiro carregado atrapalhar faz com que eu realmente seja muito cautelosa sobre isso :/.

4. Voltar a estudar

Isso é bastante urgente. Desde que deixei a faculdade de matemática há alguns anos atrás nunca mais procurei estudar algo. Estudar no sentido de pegar aquele monte de cadernos e estudar horas a fio, ficar empolgada no começo do ano com material escolar e essas coisas (isso é tão 12 anos, mas ok). Não é como se a internet não estivesse ai pra ensinar algumas coisas, mas aprender tudo na internet não te dá um diploma que fará com que alguma empresa te priorize na hora de contratar alguém. Esse é um tópico que venho arrastando há bastante tempo e que pretendo resolver ainda este ano.

5. Emagrecer e me exercitar com mais frequência

Não gente, não quero virar alok da vida saudável, postar milhões de fotos sobre academia ou me acabar em bacias de proteínas diversas. Eu quero (e realmente preciso muito) emagrecer por diversos motivos, e estética é o menor dos problemas. Falar sobre isso ainda é um super tabu pra mim, mas quem sabe mais pra frente, quando eu finalmente tiver perdido peso e venha a ficar mais tranquila sobre o assunto, eu fale mais um pouco aqui. :)

6. Conhecer músicas novas

Eu amo os sons que já escuto. Tenho a mania horrorosa de sempre me apegar àquilo que gosto pro resto da vida, mas uma das minhas metas deste ano é definitivamente abrir minha cabeça pra música no geral. Eu PRECISO conhecer coisas novas gente, porque minhas músicas favoritas já não são mais tão favoritas assim.

7. Fazer um tratamento dentário completo

Mais uma vez, eu adoraria que este tipo de coisa fosse simplesmente por questões estéticas, no entanto neste caso não é. A situação dos meus dentes no geral é absurdamente horrível há algum tempo e o que tenho a dizer sobre isso agora é: cuide dos seus dentes enquanto pode e enquanto não depende de serviços públicos para tratá-lo. Você pode acabar na minha situação (ou pior).

8. Tirar mais fotos

Esse é um ponto que, infelizmente, dependem diretamente dos itens #5 e #7 dessa lista. Não que eu tenho vergonha de mim mesma. Ok, pode até ser um pouco isso, mas eu não tenho absolutamente nenhuma vontade de tirar fotos minhas. Pretendo corrigir isso ASAP.

9. Postar mais no blog

Juro. JURO que esse ano me dedico mais.

10. Adotar a palavra ‘Organização’ com mais afinco

Porque realmente muitas coisas na minha vida precisam de organização há algum tempo: minha casa, meu computador, meus livros, tudo!

11. Jogar todos os jogos que tenho e nunca nem vi

Ok, não parece tão prioridade assim, mas eu realmente preciso me atualizar com meus joguinhos na Steam, GOG, os de PS3 e todos aqueles outros que comprei no Humble Bundle e estão ali esperando minha atenção :/. Não tem dessa de jogar menos em 2014, eu sou uma gamer louca por games, e certamente não deixarei isso de lado tão cedo :)

12. Ler todos os livros que tenho e nem encostei

Até um tempo atrás eu era a louca dos livros. Toda semana eu ia no sebo e comprava 4-5 livros e devorava todos, só para na semana seguinte comprar mais 4 ou 5 e assim sucessivamente. Ano passado aumentei MUITO minha coleção de livros, mas doida que sou continuo lendo aqueles livros fantásticos que gosto demais só pelo gostinho da releitura. Minha meta pra esse ano é ler coisas novas, no sentido de ‘nunca li antes’, começando por aqueles livros empoeirados mas novinhos que tenho na mesa.

13. Desapegar

Não, isso não é uma propaganda da OLX u.u. Eu realmente tenho muitas coisas das quais preciso me livrar, mas tenho certeza que boa parte delas serve para doação. Preciso esvaziar os armários e procurar por aquelas coisas que eu sei que não vou nem olhar mais e me livrar delas.

14. Me ajustar financeiramente

Parar de gastar com coisas bobas do tipo Dominos no meio da semana e começar a juntar dinheiro para coisas que quero a longo prazo. Decidi que a satisfação de comprar aquela câmera que estou namorando há algum tempo valerá mais do que aquele pedaço delicioso de Pizza Catuperoni. Aliás, esse ano adotei o Desafio das 52 Semanas e, se tudo der certo, esse dinheiro vai ser bem usado para minhas ‘férias de aniversário’ de 2015, que talvez não seja no Rio de Janeiro de novo. Preciso conhecer novos ares!

Olhando a princípio parece muita coisa, mas acho que posso lidar com todas. Só preciso daquela força de vontade que vem faltando há algum tempo pra colocar todas em prática :P.

Outros blogueiros e blogueiras também estão empenhados nas suas metas de ano novo. Quer saber o que cada um quer? É só participar da nossa comunidade no Facebook :)

O dia em que conheci Nick Carter

Arquivado em Pessoal.

Da série Sonhos malucos que tenho quando vou dormir com a Netflix ligada e com dor de dente: Eu achava o Nick dos Backstreet Boys na internet e descobria que ele morava em Hong Kong (assim como eu WTF), e acabava conversando com ele! Ele me passou sem endereço e falou para eu visitá-lo. O quê? Vocês não acharam realmente que eu conheci o Nick de verdade né? D:

Nick seu LINDO ♥

Nick seu LINDO ♥

No meio da zorra do sonho eu achava uma mãe na internet também que, sei lá, se mataria pra eu levar os filhos dela pra conhecê-lo também. Eu topava e falava que ia passar na casa deles pra pegá-los (que tipo de mãe entrega os filhos pequenos pra um estranho assim? D:).

Eu lembro que eu chegava na casa da mulher e ela tinha 2 meninas, a mais nova e a mais velha de uns 14 anos mais ou menos, e um menino que eu supus ser o filho ‘do meio’. A mãe não podia estar mais agradecida e ainda disse um bom passeio numa língua muito bizarra (que eu tenho ~certeza~ que não é Chinês ou sei lá o que eles falam). Entreguei o endereço que anotei no papel (que o Nick obviamente me passou com todas as referências possíveis e imagináveis) para a garota mais velha e ela falou “GG!”, sei até onde pegar esse HK Air Mail*.

Até essa hora não tinha pensado, mas o que diabos HK Air Mail tinha a ver com o meio de transporte até a casa do Nick? Pois bem, pegamos um metrô e chegamos numa espécie de grande ‘pátio’, cheio de plataformas que subiam do chão em linhas parecidas com as de metrô, só que em linha retíssima. As plataformas eram simples, sustentadas por grossos canos, sem absolutamente nada em cima. As plataformas saiam do subterrâneo, subindo a medida que andavam. A mais nova das meninas falou ‘sobe nessa, que vou na da frente’. Ok, eu toda empolgada subi.

A plataforma começou a subir MUITO rápido, e o garoto disse ‘segura na borda se não você cai omg’. Sei que a medida que a plataforma andava, mais alta e rápida ela ficava, e finalmente entendi o conceito de HK Air Mail no meu sonho. As plataformas usadas para transporte de passageiros era usada principalmente para jogar (?) encomendas diretamente nos aviões, e por Cristo Pai do Céu, a gente passava ~raspando~ por um avião no meio do caminho de tão alta que a plataforma estava.

Finalmente depois de algum tempo a plataforma começou a descer até chegar no chão de novo, e nós fomos andando (eu cambaleando de medo neste caso) até a casa do Nick, que era próxima da plataforma. Nessa altura do campeonato o meu sonho teria acabado antes de ver a cara fowfa dele, mas não. O pavor das plataformas foi recompensado por um Nick abrindo a porta de casa todo feliz e sorridente porque eu tinha ido visitá-lo de fato *-*.

:O

Ele ofereceu bolinhos e chá, e ficamos batendo papo com ele por muito tempo até que saímos pra conhecer o bairro onde ele morava. Ele falava sobre os Backstreet Boys, o porque dele ter parado naquele lugar doido, mas não lembro absolutamente nada depois disso, só que falei pra ele que já tinha conhecido o Brian e o Kevin (?????) antes, mas que nenhum dos dois era TÃO legal e fowfo como ele <3.

Daí acordei e, como o marido foi dormir depois de mim, o Netflix ainda estava ligado, naquele episódio de House que o Kutner se suicida :( e tava tocando aquela que é uma das músicas mais fodas que já conheci na série:

Eu adoro pensar nesses sonhos loucos de sono leve, mas dificilmente lembro algum com tantos detalhes e, poxa, conheci o Nick genete, sai no lucro *-*. Ele nem era meu BSB favorito, mas pensa num rapaz doce e falador, que recebeu uma louca com 3 crianças e foi super gente fina o tempo todo. Eu tinha que registrar isso aqui pra ler e lembrar depois :P

* HK Air Mail: aquele sinal de que você anda comprando MUITO no Aliexpress e já está ficando biruta enquanto aguarda seu novo Razer Naga Molten chegar. Misture isso ao fato de que eu caipira só andei duas vezes de metrô na vida e tenho absoluto pavor de plataformas altas e qualquer tipo de ‘chão falso’.

Bom domingo e bons sonhos ♥

Playlist: músicas animadinhas de domingo

Arquivado em Uncategorized.

Uma playlist ~muito~ eclética para dar aquela animada no domingo, que aqui em Petrópolis provavelmente aparecerá de cara feia como sempre :P. Tem Santana, Dream Theater, Ok Go, LMFAO, Baltimora, Michael Jackson e mais um monte de coisas misturadas, mas só com músicas legais <3

Animadinhas de Domingo by Barbara Vaz on Grooveshark

Aproveitem a playlist feita de todo amor e coração nesse domingão. Boa semana!

WordPress 3.8: um caso de amor

Arquivado em Blog, WordPress.

Essa semana saiu finalmente a versão 3.8 do WordPress, desta vez chamada “Parker”. Nos meus antigos blogs eu sempre comentava sobre as novas versões e, certa vez, até fiz um vídeo comentando algumas funcionalidades. Como meu tato pra vídeos não anda muito legal, resolvi só comentar a versão mesmo.

E, gente, que versão ♥. Dentre várias coisinhas úteis novas o que mais me chamou a atenção definitivamente foi o redesign (merecido) no painel de administração. Uma repaginada completa em cada detalhe dos menus de admin e várias opções novinhas em folha:

Dashboard

Dashboard

Esse é um visual “padrão” do novo painel, mas um dos novos diferenciais é poder escolher dentre vários esquemas de cores para mudar sempre que quiser. É só clicar em um novo esquema para visualizá-lo antes de escolher o esquema que irá usar.

O opções de esquemas de cores para o painel

O opções de esquemas de cores para o painel

Painel com vários esquemas de Cores

Painel com vários esquemas de Cores

Os ícones da barra TinyMCE da interface de publicação assim como os ícones da barra lateral foram completamente redesenhados e ficaram bem mais amigáveis agora.

Editor de posts e novos ícones

Editor de posts e novos ícones

A versão 3.8 também foi totalmente otimizada para facilitar a visualização e navegação no painel em qualquer tipo de dispositivo, independente de aplicativos. Particularmente adorei essa opção, visto que não sou a mais fã do aplicativo do WordPress (embora ele seja bom).

Junto com a nova versão, o WordPress apresenta um novo tema padrão, o Twenty Fourteen, um dos melhores temas padrão lançados pelo WP até hoje na minha opinião. São algumas das novas funcionalidades:

- Opções de categoria “Featured”, com alternativas para modo slider ou grid para exibir o conteúdo de alguma tag ou sticky posts de forma destacada e bastante limpa;

- Três opções de áreas de Widgets, para distribuir melhor todo o conteúdo do blog/site.

- O tema de adapta perfeitamente à qualquer resolução e/ou dispositivo, independente do modelo magazine.

O tema também está disponível para os usuários do WordPress.com e pode ser visualizado aqui.

Twenty Four

Twenty Four

A Versão 3.8 do WordPress ”Parker” já está disponível inclusive em português para update direto do painel de administração do WordPress ou download manual na página oficial.

Aproveitem para colorir seus painéis e bom fim de semana <3




Back to Top